Cadastro de bons pagadores pode melhorar acesso a crédito

O Cadastro Positivo cria um currículo financeiro com base na pontualidade de contas pagas

 

O registro de mal pagadores é bem conhecido dos brasileiros (nós já falamos sobre isso por aqui). Se o consumidor deixa de pagar uma conta, pode ser negativado em instituições de proteção ao crédito, como a Serasa Experian. Ter o nome sujo pode te impedir de conseguir empréstimos, financiamentos, contas a prazo, entre outros serviços. Mas há também a lista de bons pagadores: o Cadastro Positivo.

O Cadastro Positivo começou a valer no país em 2013 e consiste em um banco de dados com histórico de contas pagas em dia. Assim como acontece com a lista de mal pagadores, o serviço é gerenciado por instituições de proteção ao crédito.

As vantagens da lista de bons pagadores

O consumidor só terá seu nome incluído se autorizar. O cadastro registra a pontualidade no pagamento de contas como crediários, financiamentos e mensalidade de serviços como água, luz e telefone.

Com o detalhamento do currículo financeiro, a intenção é que bancos, financeiras e lojas possam oferecer melhores condições de pagamento aos bons pagadores, como taxas menores ou prazos mais longos. O Cadastro pode ser especialmente vantajoso para profissionais autônomos, com dificuldade para comprovar renda.

A experiência do Cadastro Positivo em outros países mostra as vantagens da adesão ao sistema: nos Estados Unidos, o acesso a financiamentos subiu de 40% para 80% dos clientes. No Chile, o cadastro melhorou o acesso de mulheres ao crédito e no México, subiu o acesso da população de baixa renda.

Como fazer seu Cadastro positivo

Várias instituições financeiras e bancos oferecem o serviço de Cadastro Positivo. Na Serasa Experian, por exemplo, a inclusão na lista pode ser feita gratuitamente pelo site, agência ou carta.

As informações de pagamento passam a ser incluídas no banco de dados (o cadastro disponibiliza apenas informações de compromissos assumidos e pagamentos, sem detalhar como dinheiro está sendo gasto).

Na hora de pedir um empréstimo, financiamento, carnê ou compra a prazo, bancos e lojas vão checar seu histórico financeiro e, tendo um Cadastro Positivo, a negociação pode ser mais vantajosa para você.

Leave a Reply